Capítulo 5 – País de todas as crenças

Capítulo 5 – País de todas as crenças

Benedito Santeiro

Escultor

Autodidata, Benedito é um dos santeiros (escultor especializado em santos) remanescentes no Brasil. Seu trabalho tem reconhecimento nacional (já foi convidado para restaurar obras de Aleijadinho) e internacional. Suas obras estão espalhadas por países como Portugal, França, Itália, Austrália e Chile.

Carlinhos Brown

Músico

O cantor, arranjador, compositor e produtor cultural baiano apresenta em sua obra a influência do candomblé e a ancestralidade ritualística dos terreiros. Taís influência estão evidenciadas em trabalhos como o disco “Candombless”, dedicado à religião de matriz africana.


Fortuna

Cantora

De origem judaica, a cantora paulistana interpreta canções em hebraico e ladino, idioma dos judeus sefarditas (habitantes da Península Ibérica no século 15). Tem sete discos e um DVD lançados, dos quais vendeu cerca de 100 mil cópias.

Maycon Mesquita

Trompetista

Trompetista e bacharel em música, Maycon Mesquita se apresenta em casas de jazz, como o Jazz B. Maycon acredita na música como contato com Deus e por meio de suas composições espontâneas tenta exprimir sua crença, o que vê e dialoga e o trompete se transforma em uma extensão do seu corpo.


Ronaldo Rego

Escultor

Escultor e gravurista, Ronaldo Rego é sacerdote da umbanda. Sua produção, majoritariamente composta de esculturas em madeira policromada e ferro, se vincula a essa religião e ao candomblé, reinterpretando os símbolos relacionados a ambas.